UFMG International Law Seminar – Patrícia Noschang – Meio Ambiente perante a CIJ

O Grupo de Pesquisa em Cortes e Tribunais Internacionais – Stylus Curiarum – recebe a professora Patrícia Grazziotin Noschang para falar sobre a jurisprudência ambiental da Corte Internacional de Justiça. O evento ocorrerá no dia 17 de setembro às 10:00h.
Patrícia Noschang é Doutora em Direito PPGD/UFSC. Mestre em Direito e Relações Internacionais PPGD/UFSC. Especialista pela Fundação Getulio Vargas em MBA Comércio Exterior e Negócios Internacionais e pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul em Direito Internacional Público, Privado e da Integração Regional. Professora na Faculdade de Direito e no Programa de Pós-Graduação em Direito (Mestrado) da Universidade de Passo Fundo/RS. Membro do Módulo Jean Monnet CCJ/UFSC. Coordenadora do Fórum de Mobilidade Humana de Passo Fundo-RS. Membro – Coordenadora da Comissão de Direitos Humanos da OAB Seccional Passo Fundo-RS. Coordenadora do Grupo de Pesquisa A Efetividade dos Direitos Humanos no Plano Internacional e do Grupo de Estudos em Jurisprudência Internacional. Atualmente desenvolve pesquisas na área de Direito Internacional e Direitos Humanos, nos seguintes temas: Direito Ambiental Internacional, Migração e Refúgio e Controle de Convencionalidade.
O link do evento será disponibilizado aos membros do Grupo no momento da transmissão.

Live: Relações entre o Ordenamento Brasileiro e o Ordenamento Internacional

No dia 2 de setembro, o professor Lucas Carlos Lima (Universidade Federal de Minas Gerais) participou do ciclo de Aulas Magnas da Escola Judicial Desembargador Edésio Fernandes (Ejef) com palestra intitulada “Relações entre o Ordenamento Brasileiro e o Ordenamento Internacional”. A palestra foi mediada pelo juiz Pedro Câmara Raposo Lopes e contou com a participação dos desembargadores Tiago Pinto, Newton Teixeira Carvalho, Mariangela Meyer e Sandra Fonseca e do diplomata Santiago Pinto.

Em sua fala, o professor Lucas Lima realizou uma exposição sobre a aplicação de normas internacionais (especialmente tratados) no ordenamento jurídico brasileiro. De acordo com o professor, os juízes devem adotar tais deliberações e interpretar os tratados internacionais quando estes são pertinentes ao caso.

Confira a matéria completa do TJMG aqui.

Confira a live em seu conteúdo integral aqui.

A Analogia entre Organizações Internacionais e Estados: Um debate

O Ramo Brasileiro da International Law Association, em parceira com o Programa de Pós-Graduação da UFMG promove o evento “A Analogia entre Estados e Organizações Internacionais: um debate”. Trata-se de debate virtual em que Fernando Lusa Bordin (University of Cambridge) discute seu livro publicado pela Cambridge University Press “The Analogy between States and International Organizations”. Serão debatedores do livro André Nunes Chaib (Maastricht University), Juliana Guerra (Université Paris II – Panthéon Assas) e Lucas Carlos Lima (Universidade Federal de Minas Gerais). O evento ocorrerá no dia 12 de agosto, às 11h, no Canal da ILA-Brasil no Youtube.

As ILA-Brasil Lecture Series são eventos periódicos organizados pela diretoria do Ramo Brasileiro da International Law Association em parceria com diversas Universidades do Brasil e do mundo. Buscam promover o debate científico de excelência sobre direito internacional, contribuindo para a reflexão, formação e atualização de internacionalistas e operadores do direito chamados a aplicar o Direito Internacional. Todas as Lectures estão disponíveis no Canal da ILA-Brasil no Youtube. Link: http://bit.ly/ilabrasil

O livro de Bordin investiga como a analogia entre Estados e organizações internacionais influenciou e apoiou o desenvolvimento do Direito aplicável às instituições internacionais no plano internacional. Este fenômeno é melhor ilustrado pelo trabalho da Comissão de Direito Internacional sobre os tratados e sobre a responsabilidade das organizações internacionais, onde a Comissão estendeu, em grande parte, às organizações internacionais regras que foram originalmente criadas para os Estados. Revisitando esses projetos de codificação e também analisando outras áreas, o livro reflete sobre como as técnicas de raciocínio jurídico podem ser – e foram – utilizadas por instituições internacionais e pela ciência jurídica para lidar com situações de incerteza e discute a posição elusiva que as organizações internacionais ocupam no sistema jurídico internacional. Ao abordar alguns tópicos fundamentais da disciplina, o livro faz uma contribuição substancial à literatura sobre assuntos e fontes de direito internacional

Para se preparar para o debate, a introdução do livro está disponível no Site da Amazon, e alguns conteúdos estão disponíveis no site da Cambridge University Press. Sugere-se a leitura do capítulo 2.

Grupo de Estudos 2020.1 – As Teorias das Relações Internacionais

O Grupo de Estudos em Cortes e Tribunais Internacionais da UFMG – Stylus Curiarum – convida todos os estudantes da UFMG que já tenham cursado a disciplina de Direito Internacional Público para participar das reuniões do Módulo 2020.1, que será realizado na modalidade virtual.

O tema do grupo neste semestre é o estudo das principais escolas teóricas das Relações Internacionais, buscando contextualizar o papel do direito e das cortes internacionais em cada uma delas. Partindo de uma análise das escolas realistas e terminando com a leitura de textos bases de teorias críticas das relações internacionais, este semestre formativo busca alicerçar os conhecimentos dos membros do grupo na interdisciplinaridade das Relações Internacionais e Ciência Política.

O primeiro encontro ocorrerá às 11:15 da quinta-feira, dia 13 de agosto, na qual discutiremos o primeiro texto, sobre a teoria realista. As reuniões serão quinzenais.

Para confirmar a participação, pede-se a todos os interessados, mesmo que antigos membros, a gentileza de enviar um e-mail para styluscuriarum@gmail.com informando: (a) Nome completo; (b) Fase/período do curso; (c) Número de matrícula; (d) E-mail institucional da ufmg (login do minhaUFMG + “@ufmg.br”). Aos que ainda não participaram das reuniões, pede-se também que informem (e) Razão de interesse no grupo.

A plataforma utilizada para realização das reuniões online será, a princípio, o Microsoft Teams. Os integrantes receberão instruções sobre o acesso no e-mail enviado para inscrição.

Acesse aqui o cronograma de textos do semestre. São monitores do grupo neste semestre os discentes Sarah Tonani e Lucas Mendes Felippe, que poderão esclarecer quaisquer dúvidas sobre o grupo.

Aos participantes de 75% das reuniões será atribuído um total de 20 ACG.

UFMG International Law Seminar – Fabia Fernandes Carvalho Veçoso

O Grupo de Pesquisa em Cortes e Tribunais Internacionais UFMG/CNPQ – Stylus Curiarum recebe Fabia Fernandes Carvalho Veçoso, da Melbourn Law School, para discussão do seminário intitulado ‘Questionamentos sobre o ‘giro historiográfico’ em direito internacional: sobre narrativas situadas e olhares periféricos para o passado’. O evento ocorrerá às 08h do dia 31 de julho.

UFMG International Law Seminar: O Declínio do Dualismo Brasileiro?

Se a vexata quaestio de o Brasil ser monista ou dualista parece ter perdido força nos debates acadêmicos, a pergunta subsistente é até que ponto o Brasil ainda se encaixa em modelos teóricos do século XIX para explicar a relação entre o direito internacional e o direito brasileiro. Nesta edição da “ILA-BRASIL Lecture Series” em conjunto com os “UFMG International Law Seminars”, os professores Arno Dal Ri Júnior (UFSC) e George Rodrigo Bandeira Galindo (UNB) discutem se o assim chamado dualismo brasileiro encontra-se em declínio e como enquadrar o atual modelo de relação entre o direito internacional e o ordenamento nacional. O evento é moderado pelo professor Lucas Carlos Lima, membro da Diretoria da ILA-Brasil e coordenador do Stylus Curiarum.

O evento ocorrerá na próxima segunda-feira, dia 06 de julho, às 17h no youtube da ILA-Brasil. Perguntas podem ser enviadas através do instagram da ILA (@ila.brasil).

O evento será transmitido e será registrado no CANAL DA FACULDADE DE DIREITO DA UFMG no youtube.

Sugestão de leitura para estudantes: André Lipp Pinto Basto Lupi, O Brasil é dualista?: anotações sobre a vigência de normas internacionais no ordenamento brasileiro, Revista de informação legislativa, v. 46, n. 184, p. 29-45, out./dez. 2009.

Publicação do e-book “Diálogos entre Cortes e Tribunais Internacionais”

Stylus Curiarum – Grupo de Estudos em Tribunais e Cortes Internacionais, tem o prazer de comunicar a publicação do e-book “Diálogos entre Cortes e Tribunais Internacionais”, que resulta das contribuições acadêmicas apresentadas no IV Colóquio de Direito Internacional Público, ocorrido nos dias 28, 29 e 30 de dezembro de 2018, na Faculdade de Direito da Universidade Federal de Minas Gerais. O e-book, publicado pela Editora Initia Via, conta com contribuições de professores e acadêmicos de renome nacional e internacional, e pode ser acessado gratuitamente abaixo: